Top
PLANEJE A SUA VIAGEM

Delhi na Índia – Dicas de viagem, o que fazer, onde ficar e mais

Delhi na Índia - Dicas de viagem, o que fazer, onde ficar e mais

Delhi na Índia é uma cidade pulsante e que desafia os seus visitantes com o seu caos característico e tráfego intenso, exigindo destes um coração aberto e flexível para absorver e entender toda a sua complexidade e singularidades.

Ao chegar lá uma coisa é certa: o choque! E não há como evitar esse choque inicial, seja com a pobreza, com a sujeira, com o barulho, com o trânsito, com as multidões, comida, celebrações, pessoas, cheiros e cultura.

Tudo na Índia é diferente e exótico e isso não necessariamente tem um significado negativo. Tudo depende do quão flexível e interessado é o olhar do viajante que chega por lá e por isso, é bom saber desde já que você deve estar preparado para encontrar uma realidade caótica e difícil no primeiro momento, mas completamente interessante e capaz de mudar a sua percepção do mundo – se você assim o permitir.

Por sinal, já escrevemos um post sobre o porque visitar a Índia e antes de seguir neste post, sugiro que dê uma olhadinha clicando aqui!

E para conseguir aproveitar o melhor que Delhi tem para oferecer, preparamos este guia repleto de dicas preciosas para você programar a sua viagem para lá.

LEIA TAMBÉM: Todos os posts já publicados sobre a Índia no blog, com sugestão de roteiro, dicas de Agra, Jaipur e muito mais! 🙂

 

INTRODUÇÃO À DELHI

A CAPITAL DA DIVERSIDADE

Cotidiano de Delhi

Delhi, a capital da Índia, com seus 19 milhões de habitantes é uma das mais populosas e diversificadas cidades do mundo.

É uma cidade de extremos e de muita desigualdade social. Além disso, é uma cidade que demonstra muito bem a modernidade e a tradição da Índia, sendo que estes choques de realidade podem ser percebido a todo instante e em qualquer lugar por lá.

Exemplo disso foi perceber que em meio ao tráfego intenso e caótico com carros que buzinam sem parar em avenidas largas – que são herança da dominação britânica – vacas sagradas circulam livremente e elefantes são utilizados como meio de transporte de alguns locais.

Há cada instante um uau novo vinha como reação e a cada momento ficávamos mais e mais intrigados e surpresos com Delhi. E não poderia haver melhor introdução ao país do que passar alguns dias por lá ao chegar lá!

Dicas de viagem de Delhi

E é importante saber que Delhi tem uma história riquíssima e surpreendente. Antes da viagem achávamos que a Índia era basicamente hinduista, mas fomos surpreendidos com a presença significativa do islamismo por lá.

Ocorre que o norte da Índia, inclusive Delhi foi comandada por impérios muçulmanos por centenas de anos, com influencia persa e mongol. Por isso, muitas atrações turísticas são islâmicas!

Além disso, Delhi foi dominada pelos ingleses no século 19 e atuou como capital administrativa do país, tendo recebido investimentos e inúmeras construções em estilo ocidental como prédios, arcos e largas avenidas.

O resultado é uma cidade que mais parece um caldeirão cultural e religioso e com uma diversidade incomparável que é refletida na culinária, vestimenta, arquitetura e tradições.

E mais incrível ainda é perceber que toda essa diversidade convive harmoniosamente e recebe os visitantes de braços abertos para se encantar com suas peculiaridades!

DESCONTO PARA LEITORES:Faça aqui a cotação com as melhores seguradoras do mercado e garanta desconto de 5% com o código “OMUNDOEPEQUENO5

 

QUANDO VISITAR DELHI

MELHORES MESES

A resposta mais genérica para esta pergunta é: a melhor época para visitar a Delhi é entre Novembro e Abril, nos períodos de inverno e início do verão – quando as temperaturas costumam ser mais amenas e as chuvas menos frequentes.

O verão na Índia ocorre entre Março a Maio e representa um período complicado para os visitantes, por conta do calor, já que durante estes meses as temperaturas costumam ser bem elevadas e podem ser desconfortáveis até mesmo para brasileiros.

Mas, a boa notícia é que como as temperaturas costumam ser mais elevadas no centro e sul do país e mais estáveis e tranquilas ao norte do país, onde Delhi está situada, os meses de verão também são bons para visitar a cidade.

Sobretudo, evite a viagem entre os meses de Maio e Setembro, quando as monções assolam a Índia e dificultam a viagem.

LEIA TAMBÉM: Post completo sobre quando é melhor visitar a Índia

 

COMO CHEGAR EM DELHI

SAINDO DO BRASIL

Não há voos diretos entre o Brasil e a Índia, mas a maioria dos voos que chegam na Índia desembarcam no aeroporto de Delhi.

Sendo assim, se você está planejando uma viagem para a Índia, muito provavelmente você chegará em Delhi e de lá pode pegar um voo para outras cidades na Índia ou para os países vizinhos, como o Nepal e as Maldivas, por exemplo.

A duração dos voos entre o Brasil e Delhi depende do tipo de bilhete encontrado, assim como o preço. Mas vale a pena destacar que é possível encontrar boas promoções anunciadas no Melhores Destinos por cerca de R$ 3000.

Dentre as companhias aéreas que operam este trajeto saindo do Brasil estão a Turkish Airlines, a Emirates, Air China e Ethiopian, com escala em diferentes cidades.

Brasileiros precisam de visto para entrar na Índia e você pode encontrar todas as dicas referentes à emissão do visto neste post aqui.

E ao chegar no aeroporto de Delhi, você pode utilizar o trem, taxis ou Ubers, para ir ao seu hotel, mas lembre-se que Ubers só funcionam se tiver sinal de celular ativo.

A nossa escolha foi o taxi e você pode encontrar o balcão ao sair da área do desembarque. Evite os motoristas clandestinos que vão oferecer viagens mais baratas, pois estas opções podem ser inseguras.

LEIA TAMBÉM: Todas as dicas sobre como comprar um chip de internet no aeroporto

Os preços são tabelados de acordo com a distância do centro e você deve decidir se quer ou não ar condicionado. Preste atenção, pois receberá dois talões após efetuar o pagamento (que pode ser feito em cartão) e um deve entregar ao motorista na hora do embarque e outro deve ficar em mãos para somente entregar na hora da chegada.

Os motoristas na Índia recusam-se a usar Google maps e acabam chegando nos lugares por tato. Por isso, a sugestão é que você anote ou imprima o endereço do seu hotel em Hindi entregue ao motorista para que ele possa se guiar.

Tivemos problema com o endereço entregue em inglês e sugerimos que, se possível, imprima a versão em hindi!

 

QUANTOS DIAS FICAR EM DELHI

PARA APROVEITAR O MELHOR

A minha recomendação é que programe pelo menos dois dias inteiros para explorar Delhi, e se possível, três dias para aproveitar a cidade com calma.

Delhi é a cidade de chegada na Índia da maioria dos viajantes e, sendo assim, o local do primeiro contato com a cultura, culinária e atmosfera do país. E por ser diferente de tudo que existe no resto do mundo, muitos viajantes podem sentir um grande choque ao chegar lá, especialmente nos primeiros dias.

E uma excelente forma de evitar este choque é investir tempo de qualidade na primeira cidade da chegada, para ir absorvendo a Índia aos poucos e acostumando-se com o ritmo particular do país. E três dias por lá são ideais para este propósito!

Em nossa viagem, planejamos apenas dois dias em Delhi contando com o da chegada (que na verdade acabou sendo um dia parcial, pois acabamos tirando um cochilo longo ao chegar para combater o cansaço da longa viagem) e posso dizer que não foi suficiente para conhecer tudo que Delhi tem para oferecer nem para absorver a Índia com a calma que gostaríamos de ter tido.

Uma pena, por que Delhi é realmente um local fascinante que merece ser explorada e degustada em doses homeopáticas para que seja melhor aproveitada. E como o objetivo do blog é passar as melhores dicas de viagem, está aí uma que vai fazer a diferença para a sua aventura no país!

 

DELHI É BARATA?

QUANTO CUSTA VIAJAR

A Índia é um país de contrastes sociais impactantes e em Delhi essa situação fica ainda mais evidente em Delhi, a capital do país.

E por ser uma cidade onde classes totalmente diferentes convivem, compreendendo desde pessoas das mais ricas do mundo a pessoas vivendo em situações de extrema pobreza, Delhi oferece opções para todos os gostos e bolsos.

Para o viajante, essa máxima também se aplica, e a depender do seu estilo será possível fazer uma viagem bem cara, de preço moderado ou bem barata.

Tentamos fazer uma viagem num estilo moderado, com opções mais econômicas sempre que fazia sentido para não arriscar nosso conforto e segurança, como por exemplo comida e hospedagem.

Mas, confesso que acabamos gastando bem mais do que esperávamos. Talvez seja porque fizemos uma estimativa de gastos relativamente baixa e acabamos nos surpreendendo, ou talvez por que não fizemos uma pesquisa extensa antes para encontrar as melhores opções custo benefício para alimentação e hospedagem.

O importante mesmo é saber que em Delhi você irá achar locais vendendo refeições por menos de 1 dólar, outros por cerca de 10 dólares e outros tantos com preços bem salgados inclusive para drinks.

Por isso, é bom fazer uma pesquisa antes de viajar para encontrar opções interessantes na faixa de gastos que pretende ter e assim garantir o sucesso da sua viagem.

HOTÉIS COM TARIFAS IMPERDÍVEIS: Reserve o seu hotel no Booking.com e garanta as melhores tarifas e cancelamento gratuito!

 

O QUE FAZER EM DELHI

ROTEIRO COMPLETO

Dicas de viagem de Delhi

De volta às dicas práticas, é importante saber que Delhi está dividida em New e Old Delhi e que ambas áreas possuem atrações interessantes para os viajantes.

New Delhi foi construída e organizada durante a colonização britânica e tem Edwin Lutyens como o arquiteto mais relevante em seu design. É uma área bem mais moderna e onde os hotéis e restaurantes sofisticados ficam.

Lá, é possível encontrar os prédios oficiais do governo, o India Gate, o Lotus Temple, assim como o Qutub Minar.

Já Old Delhi respresenta a área da cidade que foi criada em seus primórdios e por ter sido expandida durante diferentes momentos da história do país é bem diversa e autêntica.

Lá, é possível encontrar os mercados antigos, o Red Fort, a mesquita Jama Masif, ruelas bem autênticas.

Abaixo, você vai encontrar um mapa interativo com a marcação dos locais de maior interesse para os viajantes , como atrações e restaurantes, para guiar o seu planejamento de viagem.

 

 

Ainda como dica prática para sua viagem à Delhi, recomendamos que utilize os serviços de Uber ou autorickshaws, que são os carrinhos elétricos super comuns por lá para se locomover entre as atrações que tenham curta distância entre elas. Os valores das corridas são muito baratos e a comodidade vale super a pena.

Para ficar sempre conectado certifique-se de comprar o seu chip com dados ao chegar. Clique aqui para consultar o post completo sobre isso.

É também uma boa ideia utilizar o metrô de Delhi, que funciona super bem para distâncias maiores. Foi uma grata surpresa descobrir que o metrô de Delhi é super moderno e seguro e supera muitos que já utilizei!

Para mulheres, inclusive, há vagões específicos para garantir a segurança durante a jornada em horas de pico!

Outra dica importante é que o pagamento das atrações turísticas pode ser feito com cartão de crédito e com desconto. A depender das tarifas que você tem com o seu banco pode valer a pena!

 

ROTEIRO DE 3 DIAS EM DELIHI

 

O que fazer em Delhi

Em nossa viagem, planejamos apenas dois dias em Delhi contando com o da chegada (que foi um dia parcial, pois acabamos tirando um cochilo ao chegar para ajudar no jet lag) e posso dizer que não foi suficiente para conhecer tudo que Delhi tem para oferecer.

Por isso, sugiro fortemente que separe pelo menos dois dias inteiros para explorar Delhi, além do dia parcial na chegada, que é geralmente metade dedicado ao descanso para recuperar a energia depois da longa viagem.

Dessa forma, vai conseguir explorar a cidade com calma, o que é muito importante para que consiga aproveitar Delhi. Além disso, considere esses dias como uma aclimatação à Índia já que muito provavelmente Delhi será o seu primeiro destino no país.

A melhor coisa que poderíamos ter feito foi programar um tour guiado com um local no primeiro dia e desta forma experienciar uma introdução à Índia mais leve, ordenada e com muitas informações!

Não se engane, chegar em Delhi é intenso e o choque cultural é real. Na índia tudo é muito – muito barulho, muita gente, muitos cheiros, muitos sabores e muito caos. Por isso, fazer uma transição guiada é uma excelente forma de se adaptar e entender um pouco mais como as coisas funcionam por lá, para então explorar por conta própria nos próximos dias.

Fizemos o tour com a empresa Delhi Magic Tour, que é uma das mais bem avaliadas na Índia e a opção de roteiro foi o “Delhi by Metro – An Offbeat Look at Old and New Delhi”.

Transporte em Delhi

O tour que fizemos foi simplesmente sensacional e foi a escolha certa para nossa chegada à Índia. Esse tour começa pela manhã ou tarde e o diferencial é que é geralmente feito para duas pessoas ou um grupo pequeno e por isso a inteiração com o guia é bem mais pessoal e enriquecedora.

Encontramos com o Abishak em Connaught Place, nosso guia cerca das 14 horas e de lá seguimos de metrô para Old Delhi, onde caminhamos por ruelas bem locais, visitamos o Bazar e pegamos auto-rickshaws.

Ter a perspectiva do local neste primeiro momento foi essencial para entender o caos e conseguir ver a cidade de outro ângulo.

Confesso que se tivéssemos ido diretamente para Old Town por conta própria teríamos ficado um pouco agoniados com a intensidade do local, mas, com o guia conseguimos relaxar e somente aproveitar os nossos primeiros momentos na Índia.

Então sugiro fortemente que comece o primeiro dia na Índia com um descanso no hotel e de tarde faça o tour guiado (pode ser também o tour seguido de descanso no período da tarde, a depender de como se sinta com a viagem).

Durante o tour, visitamos templos hinduistas e jainistas, ruelas que só locais conhecem, mercados em Chandni Chowk, Rajpath and Rashtrapati Bhavan a área oficial de Delhi e comemos comida de rua segura.

O que fazer em Delhi

No segundo dia em Delhi, fizemos o nosso roteiro por conta própria, nos sentindo mais confortáveis com o ritmo da cidade.

Focamos no sul da cidade e visitamos o Qutub Minar, o Hauz Khas Village, a área artística e cool de Delhi, o Lotus Temple, Lodhi Gardens, Humayun’s Tomb e jantamos no restaurante super charmoso The Spice Route.

Qutub Minar

Foi um dia bem corrido, mas super gratificante e cheio de aprendizados culturais e históricos!

Humayun’s Tomb

FIQUE CONECTADO: Confira aqui os melhores pacotes de internet e ligações para viagens internacionais e compre com 10% de desconto usando o código

No terceiro dia, recomendo que visite o Templo de Akshardham, o Laxmi Narayan Temple, o Gurudwara Bangla Sahib a mesquita Jama Masjid e o Red Fort.

Se der tempo, perca-se novamente nos mercados de Old Delhi focando na região do Chandni Chowk, no mercado de ouro e no mercado de casamento.

Uma boa dica é negociar com um dos motoristas de tuk tuk ou autorikshaw um valor amigável para que ele faça um tour por Old Delhi.

Mas, certifique-se de agir assertivamente se te levarem para lojas de artesanato no caminho, já que essa é uma prática muito comum por lá.

Para obter informações super detalhadas sobre as atrações de Delhi clique aqui e confira este post maravilhoso publicado pelo Mochilão a dois!

 

ONDE FICAR EM DELHI

MELHORES HOTÉIS

Onde ficar em Delhi

Delhi é uma cidade de contrastes e isso fica muito evidente nas opções de hospedagem disponíveis por lá.

De hotéis super sofisticados de 5 estrelas a pousadinhas super simples, é possível encontrar opções para todos os tipos de orçamento e perfil de viagem.

Mas, decidir a melhor opção de hospedagem para a sua viagem não é tão simples quanto parece, especialmente se estiver em busca de um lugar confortável e em conta ao mesmo tempo.

Para se certificar de fazer uma boa reserva, faça uma pesquisa extensa e não se contente apenas a ver as fotos do lugar, pois muitas vezes as fotos deixam parece ser algo bem diferente da realidade.

Dedique um tempo para ler os comentários postados no Booking.com e fique atento para qualquer indício de problemas comuns como: limpeza, ar condicionado com problemas, cortes de energia e cama desconfortável.

Falo isso por experiência própria, pois reservei duas acomodações para a viagem na Índia sem prestar muita atenção nos comentários e acabei me surpreendendo negativamente com os problemas acima destacados.

Além disso, tenha sempre em mente que o foco deve ser em acomodações 3 estrelas para cima, que são por sinal geralmente bem baratas, pois menos do que isso acaba sendo uma furada.

Isso ocorre por que os padrões de acomodação na Índia são bem diferentes dos do resto do mundo e para eles uma acomodação 3 estrelas é equivalente a pousadinha simples para nós. 4 estrelas é confortável e 5 estrelas padrão luxuoso. Leve essa dica ao pé da letra e certamente não terá problemas de encontrar uma opção incrível para sua viagem. 🙂

As melhores áreas para se hospedar em Delhi são o Connaught Place,  Kailash, Chandni Chowk (Old Delhi) e Paharganj para mochileiros. Para ler mais sobre as características de cada bairro clique aqui.

Ao reservar através dos links abaixo você ajuda a manter o blog com uma pequena comissão e não paga nada a mais por isso. Obrigada!

 

OPÇÕES DE HOTÉIS DE LUXO EM DELHI

 

 

Seja como for, não recomendamos que reserve o Avatar Living, pois o local coloca os funcionários para dormir no chão o que me fez ficar bem impactada com esse tratamento, que infelizmente reflete uma questão cultural e social bem triste. Além disso, cortes de energia foram constantes e a estrutura do local deixa muito a desejar.

DESCONTO: R$ 190 de desconto no Airbnb de presente para você. Garanta já o seu aqui, é totalmente grátis!

 

ONDE COMER EM DELHI

SUGESTÃO DE RESTAURANTES

A culinária da Índia é um dos fatores que mais atraem visitantes ao país. E não poderia ser diferente, pois é realmente diferente de tudo no mundo e surpreendente para os nossos paladares.

Já falamos mais em detalhes neste post aqui, inclusive sobre outros motivos pelos quais visitar a Índia.

De cores, a aromas e sabores, os pratos indianos são geralmente muito saborosos, mas uma ameaça àqueles que não são acostumados com comida apimentada. Se você é uma desses, como eu, tenha certeza de solicitar que o prato seja pouco apimentado ao fazer o pedido 🙂

Em Delhi, visitamos alguns restaurantes incríveis e de diferentes categorias de preço e abaixo você vai encontrar algumas das dicas que compilamos.

The Spice Route é um restaurante com decoração super autêntica e serve pratos asiáticos em geral. É um must para quem quer visitar restaurantes sofisticados em Delhi, mas bem caro para padrões Índia e até mesmo Europa.

Fuji Japanese Restaurant foi um restaurante japonês bem autêntico que visitamos em Delhi e recomendamos.

Dvar Indian Restaurant

Thyme

Se estiver em busca de outros tipos de culinárias, confira a lista do Tripadvisor com as melhores opções de restaurantes em Delhi.

 

NÃO SE VÁ! Leia também os outros posts do blog sobre a Índia

Arquivado em: Delhi, Índia
 

Agradecemos muito se organizar a sua viagem com links abaixo (com descontos!), pois vai incentivar o blog com uma pequena comissão sem pagar nada a mais por isso. Obrigada desde já!

ㅤHOTEL: Reserve com tarifas diferenciadas com a Booking.com

ㅤAIRBNB: Cadastre-se e ganhe R$ 190 de bônus no Airbnbpara usar na primeira reserva - é totalmente grátis!

ㅤSEGURO VIAGEM: Pesquise com a Real Seguros e também com a Seguros Promo (5% com o código "OMUNDOEPEQUENO5"!)

ㅤINGRESSOS: Evite filas com ingressosda Get Your Guide ou com a Ticketbar

ㅤALUGUEL DE CARRO: Cote com a Rental Cars e também com a Rent Cars e conte com assistência em português

ㅤINTERNET: Chip internacional com a Viaje Conectado (15% de desconto com o código "omundoepequenoparamim") e também com a Easysim4u

ㅤPASSAGEM AÉREA: Passagens aérea com tarifas imperdíveis com a Passagens Promo

 

LEIA TAMBÉM...

Lara Nogueira

Sobre Lara Nogueira

No blog, Lara une a sua paixão por viajar com a de escrever. Seus relatos têm o objetivo de fazer os leitores viajarem (antes mesmo de sair de casa) através de um estilo único de narração que invoca os sentimentos e sentidos, combinada com dicas úteis e imagens dos destinos que visita.

Sua curiosidade e fascinação pelo novo fazem com que esteja sempre em busca de experiências únicas. Não é a toa que deixou a calorosa Bahia para chamar Estocolmo na Suécia de lar!

Comentários

  1. AvatarAna Paula diz

    Estou fazendo pesquisa para nossos próximos possíveis destinos e encontrei muita informação aqui!
    A Índia é um destino que está em nossos planos e tirei muita dúvida lendo esse post.
    Obrigada por compartilhar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SUPER


descontos

Reserve a sua viagem utilizando os nossos descontos exclusivos!
EU QUERO!