Top
DESCONTOS DE VIAGEM

Porto: Dicas de viagem + roteiro completo

Porto dicas de viagem

A cidade do Porto em Portugal vendo sendo repetidamente eleita o melhor destino de viagem na Europa e ganhando grande notoriedade internacional.

E não é a toa, pois o Porto é realmente uma cidade que condensa tudo que se espera de um excelente destino de viagem: charme, autenticidade, praticidade de locomoção, preços justos, restaurantes deliciosos e muita história.

Para falar a verdade, a fama que o Porto vem ganhando só confirma o que nós, viajantes Brasileiros, sempre soubemos: o Porto é um destino imperdível. E não à toa que há décadas, a cidade vem representando um dos destino mais visitado por Brasileiros na Europa!

Confesso que me encantei demais pelo Porto, mas não somente pelas suas atrações turísticas principais, como também pela vibe tranquila e autêntica que ela conserva, mesmo sendo a segunda maior cidade de Portugal, atrás somente de Lisboa, a capital do país.

E neste post, vou dividir com você as dicas mais completas e atualizadas da internet, com o objetivo de te fazer cair de amores pelo Porto e aproveitar o melhor que a cidade tem para oferecer.

Vamos lá? 🙂

LEIA TAMBÉM: Roteiro completo de 3, 4 e 5 dias em Lisboa com mapa interativo e dicas de restaurantes

 

OPINIÕES PESSOAIS

E SINCERAS SOBRE O PORTO

Dicas de viagem do Porto Portugal

Gosto de começar os posts com opiniões e impressões pessoais sobre os destinos que escrevo, de modo a estabelecer uma conexão mais orgânica com os leitores antes de mergulhas nas dicas de viagem objetivas e úteis.

Sendo assim, a seguir você vai encontrar as minhas mais sinceras opiniões sobre a cidade do Porto e espero que elas te ajudem no planejamento ou inspiração para esta viagem 🙂

 

O QUE MAIS GOSTEI

Achei a cidade do Porto super charmosa e fácil de navegar e por isso aproveitei para fazer a maioria dos passeios a pé, apreciando os detalhes da arquitetura, de monumentos históricos e o cotidiano das pessoas locais. Uma delícia!

Por falar em detalhes, a cidade do Porto é cheia deles, desde azulejos tradicionais portugueses espalhados por todos os cantos, a vistas inesperadas das colinas ou até mesmo do Rio Douro que podem ser apreciados por toda a cidade.

O Porto me conquistou com sua autenticidade e com as cenas mais simples do cotidiano, como ver velhinhas estendendo roupas no varal do lado de fora, observar o vai e vem das pessoas na Estação de São Bento.

Também amei a variedade, a qualidade e o preço justo dos restaurantes da cidade do Porto em termos de pratos e vinhos, e por isso considero a cidade um verdadeiro paraíso para os viajantes com interesses enogastronômicos como eu 🙂

 

QUANTO GASTEI

Para essa viagem a Portugal, planejamos um budget mais relaxado. Afinal de contas, tratava-se de uma viagem celebratória do meu aniversário de 30 anos e queríamos aproveitar ao máximo as experiências nos destinos que visitamos!

Mesmo assim, conseguimos manter um orçamento diário de cerca de 60-70 euros por pessoa durante os nossos dias na cidade Porto (para refeições, passeios e deslocamento) e cerca de 65 euros por noite no hotel que nos hospedamos – o que não é muito elevado para padrões europeus.

Mas, é bom destacar que dá tranquilamente para fazer um roteiro super incrível no Porto por cerca de 50 euros por pessoa e por dia e dormir em hotéis super charmosos com diárias em torno de 60 euros por noite (noites em albergues saem por cerca de 15-25 euros por noite).

Dicas de viagem do Porto Portugal
Porto Portugal dicas viagem

 

O QUE EU FARIA DIFERENTE

Passei dois dias inteiros na cidade do Porto e considerei que tive tempo suficiente para conhecer a maioria das atrações da cidade.

Mas, como nós gostamos de fazer longas paradas para o almoço e de apreciar os detalhes da cidade com calma, achei que o roteiro acabou ficando um pouco corrido, e por isso, se for como nós, indico que reserve 3 dias inteiros para aproveitar o Porto com calma e ir além das atrações do centrão.

Como a casadinha Porto + Douro é super tradicional, queria te indicar a planejar pelo menos 3 dias inteiros no Vale do Douro e evitar passeios bate-volta saindo do Porto, já que eles não conseguem capturar a magia da região vinícola mais famosa de Portugal.

Já falei em detalhes sobre o Vale do Douro neste post, mas adianto aqui que para aproveitar o que de melho o destino tem para oferecer, é preciso que se invista um tempo de qualidade, sendo que 3 dias são recomendados, 2 dias podem ser corridos (mas possível) e 4 dias um tempo super confortável para explorar a região com qualidade.

 

EXPERIÊNCIAS IMPERDÍVEIS

Caminhei muito pela cidade do Porto sem seguir um roteiro engessado e considerei esta a melhor forma de conhecer e se apaixonar pelo destino. Porto é uma cidade relaxada e romântica e é melhor apreciada a pé e com calma, sendo que na medida do possível indico que a explore com curiosidade e flexibilidade!

IMPORTANTE: Não se esqueça que o seguro viagem é obrigatório para entrar na Europa. Faça aqui a cotação das melhores seguradoras com assistência em português em caso de emergência!

 

DICAS DE VIAGEM

DO PORTO

Dicas de viagem Porto Portugal

 

MELHOR ÉPOCA PARA VISITAR O PORTO

Praticamente todos os meses do ano são ótimos para visitar o Porto, já que a cidade é privilegiada com um dos climas mais temperados da Europa (média anual de 17 graus!) e conta com invernos bem amenos com temperaturas em torno de 5 a 15 graus Celsius.

No entanto, mesmo contando com invernos moderados e sendo um destino interessante em todas as estações, pode-se dizer que os melhores meses para visitar o Porto e aproveitar a cidade em todo o seu potencial são os de primavera, verão até meados do outono – mais especificamente, de Março ao final de Outubro.

Nós visitamos o Porto na segunda quinzena de Outubro e pegamos temperaturas bem agradáveis, sendo que no primeiro dia o céu estava bem nublado e chegou a choviscar um pouco, mas no final do dia as nuvens foram gradualmente sumindo e no segundo pegamos um dia belíssimo de sol!

A minha dica é que tente evitar Novembro, que é um mês bastante cinzento e chuvoso em toda a Europa, assim como Agosto, que é o mês de férias gerais na continente, e no qual as grandes cidades ficam mais “devagar” e bastante quentes.

 

QUANTOS DIAS FICAR NO PORTO

Dois dias inteiros são suficientes para conhecer o melhor que Porto tem para oferecer, assim como visitar as caves e atrações da Vila Nova de Gaia, que é a cidade vizinha de Porto.

No entanto, vale destacar que se você é como nós e gosta de fazer paradas longas para o almoço e contemplar as atrações que visita com calma, 2 dias pode ficar um pouco corrido, sendo que neste caso aconselho reservar 3 dias inteiros para explorar o Porto.

Quantos dias ficar Porto Portugal

Há quem opte por ficar três dias no Porto e fazer um bate-volta para o Vale do Douro no último dia, mas já falei neste post aqui que considero que este seja um grande erro, já que o Douro merece pelo menos 2 dias de seu roteiro.

Pra ser sincera, considero que um roteiro ideal entre Porto e o Vale do Douro levaria entre 5 a 6 dias, sendo os dois ou três primeiros podem ser em Porto e os últimos três ou quatro explorando o Douro e suas vinícolas.

Mas, como sei que muitos viajantes não tem como ou não querem dedicar mais dias ao Vale do Douro. Então, vale destacar que não faltam opções de passeios bate-volta saindo do Porto com direito à degustação de vinhos em uma ou duas vinícolas e um breve passeio de barco no Rio Douro

Também vale ressaltar que se esta for a sua preferência (ou única opção por questões de logística de tempo) você pode consultar os valores e detalhes clicando aqui e reservar com condições especial para os nossos leitores.

LEIA TAMBÉM: As nossas sugestões de roteiros de viagem em Portugal, com ideias para 5, 7, 10, 12 e 15 dias.

 

COMO CHEGAR NO PORTO

A cidade do Porto está localizada no norte de Portugal, voltada para o Oceano Atlântico e nas margens do Rio Douro, e possui excelentes conexões com o Brasil e com outros destinos na Europa.

Chegar no Porto saindo do Brasil é super prático, sendo que há alguns voos diretos operados pelas companhias aéreas TAP e Azul e também diversas opções voos com escala operados por diversas companhias.

A viagem de carro entre Lisboa e Porto dura menos de 4 horas e é toda feita em rodovias com pedágios e bem cuidadas, mas ao invés de fazer fazer este trecho direto, sugiro separar a viagem em etapas e passar em dias nas cidades lindas do caminho, como Óbidos, Coimbra, Aveiro e Peniche por exemplo.

ALUGUE O SEU CARRO: Faça a cotação com as melhores locadoras de veículos para viagem e garanta a assistência em português em caso de emergência.

Dicas de viagem Porto Portugal

Ainda em relação aos voos para Portugal, vale ressaltar que a A TAP possibilita que os viajantes comprem uma passagem entre o Brasil e outros países da Europa e incluam uma estadia de até 2 noites em Lisboa ou Porto sem custo adiciona – uma excelente oportunidade para adicionar uma escapadinha a Porto, mesmo que não tenha intenção de fazer um roteiro mais longo em Portugal!

Também importante ressaltar que além da TAP e da Azul que voam direto para o Porto, outras companhias voam do Brasil para Porto com parada uma parada breve em outros países da Europa, são elas a KLM, Swiss, Lufthansa, Air Europa, Air France entre outras. A depender das tarifas, pode valer a pena reservar um voo com paradas, mas se priorizar a conveniência, certamente vale a pena reservar um voo direto até Lisboa!

Para chegar e sair do aeroporto de Porto vale muito a pena pegar um Uber, pois a tarifa custa cerca de 15 euros e você poderá se deslocar até o centro com toda comodidade por um precinho bem camarada.

Para pedir o Uber, você pode usar o wifi gratuito do aeroporto, mas vale saber que as vezes o sinal não funciona muito bem, então, se quiser evitar contratempos, vale a pena comprar o seu chip local no próprio aeroporto, ao desembarcar do avião e passar pela imigração.

Outra opção é sair do Brasil já conectado com um chip internacional. Confira AQUI os melhores pacotes de internet e ligações para viagens internacionais e compre com 10% de desconto usando o nosso código!

Os que quiserem economizar podem fazer o trajeto de metrô pagando menos de 5 euros pelo trajeto.

 

COMO SE LOCOMOVER NO PORTO

Mesmo sendo repleta de ladeiras, a melhor forma de explorar a cidade do Porto e suas atrações turísticas é a pé, especialmente se estiver se hospedando em uma localização central e tiver calçados confortáveis para “bater perna” na cidade.

Amo explorar as cidades que visito a pé, pois sinto que consigo absorver mais da atmosfera do local, das pessoas e de suas rotinas, assim como notar as belezas discretas no caminho que as vezes são até mais interessantes que as atrações turísticas em si. E no Porto, a experiência de caminhar bastante não poderia ter sido melhor!

Porto em Portugal dicas de viagem
Como se locomover no Porto Portugal

Contudo, ainda que decida caminhar bastante no Porto, vale a pena saber que para os deslocamentos mais demorados você poderá contar com metrôs, ônibus, tram elétricso ou taxis ou Ubers.

Eu particularmente utilizei muito o serviço de Ubers em Portugal por considerar as tarifas por lá super em conta, e acredito que este seja o caso para quem está viajando em casal ou grupo, já que combinando os valores das tarifas de metrô ou ônibus, acaba que a corrida de Uber não fica tão distante.

E para além do Uber, também pode ser uma ótima ideia contar com os serviços de metrô, ônibus ou bondinhos elétricos para se locomover em Lisboa e arredores, já que a rede de transporte público local é bem extensa e cobre a maioria das áreas de interesse turístico.

 

ONDE FICAR

NO PORTO

Dicas de hotéis no Porto Portugal

Me surpreendi com as numerosas opções de hospedagem super charmosas e em conta na cidade do Porto!

Já tinha ouvido muito falar, mas durante a minha pesquisa por hotéis no Porto, compreendi o motivo de Portugal ser considerado um dos países de melhor custo benefício na Europa para viajantes.

É realmente um país onde se pode usufruir de hotéis incríveis e viver experiências maravilhosas sem ir a falência diante da atual conversão do euro x real!

Por isso, vale a pena caprichar na escolha por hospedagem no Porto e optar por um hotel super aconchegante e com ares boutique com precinhos camaradas, afinal de contas não é em toda viagem que podemos nos dar esse luxo, não é mesmo? 🙂

A minha escolha no Porto foi o hotel The White Box Boutique House, que conta com uma localização super central, quartos confortáveis e charmosos, além de um atendimento super gentil e atencioso. Super recomendo o hotel!

Se preferir fazer uma pesquisa mais extensa antes de decidir o seu hotel no Porto, pode consultar e reservar com a Booking.com que é a empresa parceira do blog e garante as melhores tarifas e cancelamento gratuito através deste link. De quebra, você ainda ajuda o blog com uma pequena comissão sem pagar nada a mais por isso! Obrigada 🙂

Onde ficar no Porto Portugal

Em relação à localização, tanto as regiões centrais no Porto, como a região da Vila Nova de Gaia, são as melhores áreas para se hospedar durante a sua viagem à cidade do Porto.

No porto, os bairros Aliados e Praça da Batalha são os mais indicados, pois saindo dessas áreas é possível explorar praticamente todas as atrações turísticas do Porto caminhando e se for necessário vai poder pegar o metrô de forma rápida e cômoda.

Para facilitar a sua pesquisa, preparei a lista abaixo com os melhores hotéis da cidade (de acordo com as avaliações de outros viajantes) para diversos tipos de orçamento:

 

MELHORES HOTÉIS NO PORTO

 

Você também pode encontrar diversas opções maravilhosas de hospedagem no Airbnb, que dispõe de casas, apartamentos privativos ou até mesmo pousadinhas familiares super aconchegantes para aluguel.

Se ainda não conhece o Airbnb, vai encontrar todas as dicas de como encontrar os melhores Airbnbs e se hospedar com segurança nas suas viagens mundo afora neste post!

 

ONDE COMER

NO PORTO

Dicas de restaurantes no Porto Portugal

A gastronomia Portuguesa é um dos maiores atrativos do país, sendo que na cidade do Porto você poderá desfrutar o que de melhor ela tem para oferecer, haja vista a grande variedade e qualidade dos restaurantes da cidade.

E o melhor de tudo são os preços camaradas praticados em Portugal, que costumam ser mais em conta que a maioria dos países da Europa e representam um convite para mesas cheias e diversas!

Isso sem falar na harmonização (quase obrigatória) de refeições com vinhos típicos Portugueses, seja do Douro, Alentejo ou outras regiões vinícolas do país, que são deliciosos e custam menos que 5 euros a taça em restaurantes.

E por falar em refeições, há muitas iguarias típicas para provar, como a francesinha, que é a iguaria mais famosa da cidade e consiste em um sanduíche com queijo e ovo no topo. De acordo com os locais, as melhores francesinhas podem ser apreciadas na Confeitaria Cunha, no Barcarola Café, no Café Santiago, ou nos restaurantes Bufete Fase, Capa Negra II, Brasão Cervejaria, Cervejaria Galiza e O Afonso.

Há também muitos pratos contemporâneos servidos pelos diversos restaurantes modernos no Porto, por isso, a nossa sugestão é que faça um mix entre restaurantes tradicionais e modernos.

Os melhores restaurantes tradicionais no Porto são o Taberna D’Avó, Adega São Nicolau, a Tasquinha do Zé Povinho, o O Rápido, o Taberninha do Manel, o O Buraco e o O Gaveto

Os melhores restaurantes modernos no Porto são o Tascö, o Viva Creative Kitchen, o Brasão Cervejaria Foz, Almeja, o Cantinho do Avillez, o ALIBI by YoursPorto, The Orangerie – The Yeatman

Os melhores restaurantes sofisticados no Porto são o DOP, o Euskalduna Studio, o O Paparico, o estrelado Restaurante Gastronómico – The Yeatman e o Pedro Lemos Restaurante.

O restaurante O Comercial é super sofisticado e elogiado, mas durante o horário do almoço serve menus executivos a 20 euros (uma pechincha!) e vale muito a pena programar uma refeição por lá durante os seus dias no Porto.

Se tiver interesse em provar os deliciosos salgadinhos Portugueses no Porto, visite o Mengos – Pastelaria e Restaurante que conta com uma deliciosa variedade e um ambiente aconchegante.

Os melhores restaurantes na Vila Nova de Gaia, onde as caves de vinho do Porto estão localizadas são o Vinum Restaurant and Winebar, anexo à cave Sandeman, o Adega E Presuntaria Transmontana e o delicioso Mercado Beira Rio com várias opções de restaurantes.

 

O QUE FAZER

NO PORTO

O que fazer no Porto Portugal

 

PASSEAR NA RIBEIRA

A Ribeira é a zona mais turística de Porto e representa o local mais emblemático da cidade, com suas casinhas coloridas na beira do Rio Douro e uma orla com vista privilegiada para a Vila Nova de Gaia e para as pontes D Luiz I e do Infante.

Por lá, você vai encontrar vários restaurantes, bares e lojas de souvenir, assim como vendedores ambulantes e artista de rua, sendo que vale a pena caminhar com calma por lá absorvendo a energia animada do local.

O que fazer no Porto Portugal

Não deixe também de explorar a área do Cais da Estiva (também conhecido como Muro dos Bacalhoeiros) e a Rua Nova da Alfândega, de onde se pode ter vistas de ângulos diferenciados e encontrar cafés ou restaurantes interessantes para sentar e observar o vai e vem de turistas.

O que fazer no Porto Portugal
Ribeira no Porto
Atrações turísticas do Porto Portugal

Admire os ângulos da Ponte Luiz I, que rendem fotos belíssimas com a região da Vila Nova de Gaia no background.

 

CRUZEIRO DAS SEIS PONTES

Os cruzeiros turísticos que percorrem as seis pontes do Porto e vão até a foz do Rio Douro geralmente saem da Ribeira e levam cerca de 1 hora para fazer o percurso.

Cruzeiro turístico Porto Portugal

Trata-se de um programa bem turístico, mas super interessante, já que oferece uma nova perspectiva da cidade do Porto das águas do Rio Douro.

Não é necessário fazer a reserva com antecedência, mas vale a pena comprar o ticket online aqui para evitar filas no momento da compra do passeio e chegando lá será só embarcar.

 

TORRE DOS CLÉRIGOS

A Torre dos Clérigos é um dos pontos turísticos mais visitados do Porto e surpreende (os que topam subir os 200 degraus da escadinha que levam ao seu topo) com as mais lindas vistas 360º da cidade do Porto e, do Rio Douro e de Gaia.

Com seus 75 metros de altura e um exterior belíssimo, a Torre dos Clérigos faz parte do complexo da Igreja dos Clérigos e representa um patrimônio tombado pela UNESCO.

Título bem merecido, afinal de contas, este monumento que foi finalizada no ano de 1763 com objetivo de abrigar o sino na cidade, já serviu de referencial para as navegações e também como ponto estratégico de batalhas na história de Portugal ao longo dos séculos, carregando consigo grande carga cultural.

Sem dúvidas um monumento a ser visitado durante a sua estadia no Porto, nem que seja para admirar o seu exterior e a Igreja dos Clérigos. Mas, se quiser subir na torre, vai precisar comprar o ticket que custa 6 euros por pessoa e pode ser adquirido com toda praticidade aqui.

 

CASA PORTUGUESA DO PASTEL DE BACALHAU

A super tradicional Casa Portuguesa do Pastel de Bacalhau fica bem ao lado da Igreja dos Clérigos e merece uma passadinha rápida para degustar os famosos pastéis de bacalhau que servem.

Nos dias quentes, há mesas do lado de fora e você pode aproveitar esta parada estratégica para descansar um pouco e ao mesmo tempo apreciar o vai e vem de locais e turistas na área.

Caso as mesas não estejam disponíveis, você pode fazer como os locais e pegar um pastelzinho para petiscar em pé do lado de fora do restaurante ou no caminho para a sua próxima atração 🙂

 

LIVRARIA LELLO

Visitar a Livraria Lello é um programa imperdível no Porto e não somente para os amantes de literatura!

É que esta livraria é considerada uma das mais belas e autênticas do mundo, capaz de surpreender com seu exterior em estilo neogótico português e com o seu interior belíssimo com paredes repletas de livros e uma escadaria maravilhosa no centro do edifício.

Apesar de sua beleza, a livraria Lello, que foi fundada em 1906, também atrai muitos visitantes por outro motivo bem especial: reza a lenda que as suas peculiaridades inspiraram a autora J.K. Rownling a escrever a série de livros Harry Potter durante a época que morou no Porto.

Se visitar a livraria, vai notar que a decoração e os detalhes remetem bastante com os cenários da escola de bruxaria Hogwarts, contudo, a autora J.K. Rownling já declarou abertamente que nunca visitou o local e que não foi inspirada por ele. De qualquer forma, vale a pena enfrentar as filas para visitar o interior da Lello, o qual certamente tem um aspecto mágico e fantasioso!

A entrada na livraria custa 5 euros por pessoa, mas se você fizer uma compra terá esta taxa abatida do valor total no momento do pagamento.

 

JARDIM DAS OLIVEIRAS

Localizado entre a Torre dos Clérigos e a livraria Lello, este o Jardim das Oliveiras, um parque bem moderninho conta com um jardim bem cuidado, um café e várias áreas para sentar e aproveitar o final do dia.

Seja de passagem ou para um descanso merecido, certifique-se de passar por lá e apreciar sua beleza sutil.

 

IGREJA DO CARMO E DAS CARMELITAS

O complexo que engloba a Igreja do Carmo, a Igreja das Carmelitas e a Casa Escondida fica nas redondezas das atrações anteriores e pode ser visitado logo em seguida.

Os que passam com pressa não percebem que, na verdade, complexo engloba duas igrejas interligadas por uma “casa” com largura de um metro no meio, chamada Casa Escondida, a qual foi habitada até os anos 80 e atualmente pode ser visitada.

Dicas de viagem Porto Portugal

Tratam-se de belíssimas igrejas, com fachadas diferentes entre si, sendo que a Igreja do Carmo tem um mural lindo de azulejos portugueses pintados a mão na parede da esquina e a Igreja das Carmelitas conta com um exterior mais simples, mas não menos interessante.

 

ESTAÇÃO DE SÃO BENTO

Esta estação fica no coração do centro histórico do Porto e representa um dos cartões postais da cidade.

Fiquei completamente encantada com a beleza e autenticidade desta estação, cujo saguão principal é coberto por mais de 20 mil azulejos portugueses lindamente pintados a mão e divididos em murais que narram acontecimentos históricos de Portugal.

O que fazer no Porto Portugal

Um belo relógio antigo serve como guia para os passageiros atrasados e complementa o charme do saguão, junto com o teto de gesso trabalhado nos detalhes e as belas janelas amplas.

O conjunto encanta a todos que visitam esta estação que data do ano de 1896 e deixa claro o motivo de muitos consideraram esta uma atração imperdível no Porto.

EVITE FILAS: Compando seus ingressos de forma antecipada e garantindo entrada preferencial nas atrações turísticas.

 

RUA DAS FLORES

A Rua das Flores é uma das mais emblemáticas do Porto e onde se pode encontrar diversas lojinhas, cafés, restaurantes e uma animada seleção de artista de rua.

Vale a pena incluir a rua no seu roteiro no centro histórico do Porto e passear sem compromisso observando os detalhes das construções e das pessoas.

 

MIRADOUDO DA VITÓRIA

Este mirante é maravilhoso e conta com uma vista privilegiada da Catedral da Sé, do Palácio da Bolsa, do Rio Douro, inclusive das caves de vinho do porto em Vila Nova de Gaia e a Ponte D. Luís I.

Com certeza vale visitar o local para apreciar as belas vistas do miradouro e também para explorar as ruelas próximas do mirante, que são super charmosas e contam com ângulos lindos das outras colinas da cidade.

IMPORTANTE: Não se esqueça que o seguro viagem é obrigatório para entrar na Europa. Faça aqui a cotação das melhores seguradoras com assistência em português em caso de emergência!

 

PALÁCIO DA BOLSA

Atualmente, o edifício sedia a Associação Comercial do Porto, mas ao longo dos séculos já foi palco de importantes decisões e discussões sobre a economia política.

Por ser um prédio lindíssimo, tanto no seu interior quanto no exterior, o Palácio da Bolsa foi classificado como Patrimônio Mundial pela Unesco e recebe visitantes para visitas guiadas em suas diversas salas lindas, incluindo o belíssimo Salão Árabe.

A cereja do bolo está no restaurante O Comercial que fica dentro do Palácio da Bolsa e serve pratos incríveis num ambiente lindo. O menu é carinho, mas durante o almoço nos dias de semana é possível degustar do menu executivo por 20 euros – fica a dica para os viajantes gourmets 🙂

 

IGREJA CONVENTUAL DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS

Bem próxima do Palácio da Bolsa está a belíssima Igreja Conventual de S. Francisco de Assis que foi construída no século XIV e tem belíssimo interior talhado a outro (diz-se que 300 kgs de ouro foram utilizados no ornamento da igreja).

Lembra demais a Igreja de São Francisco no Pelourinho em Salvador e para visitar o interior do templo religioso é necessário pagar a taxa de admissão de 6 euros por pessoa.

VIAJE CONECTADO: Confira AQUI os melhores pacotes de internet e ligações para viagens internacionais e compre com 10% de desconto usando o nosso código.

 

CAPELA DAS ALMAS

A Capela das Almas foi a mais linda que vi no Porto e me surpreendeu demais com os murais de azulejos portugueses pintados a mão com as cores características azul e branco.

Praticamente toda revertida destes azulejos (são 16mil no total), é praticamente impossível passar pela movimentada Rua de Santa Catarina sem notar e parar para admirar a Capela das Almas.

 

MERCADO BOLHÃO

Este mercado centenário continua em pleno funcionamento e abriga diversas barraquinhas de produtos típicos de feira, como frutas e verduras frescas, peixes, embutidos, queijos e outros.

É um daqueles lugares não tão charmosos de cara, mas que podem proporcionar a oportunidade única de entrar em contato com as pessoas e costumes locais e por isso merece ser visitado.

O Bolhão é o mercado centenário onde comerciantes vendem frutas, verduras, peixes, embutidos, queijos e todos os outros produtos que costumamos encontrar nos mercado públicos. Daqueles lugares perfeitos para se conhecer mais da gastronomia e também dos costumes locais.

 

IGREJA DE SANTO IDELFONSO

Assim como a Capela das Almas, a Igreja de Santo Idelfonso é revestida de azulejos típicos portugueses pintados a mão e tem um exterior belíssimo.

É possível fazer a visita ao seu interior, mas a igreja também chama atenção pela sua área externa combinada com um pátio agradável.

 

RUA SANTA CATARINA

A Rua Santa Catarina é a mais popular entre os consumistas de plantão, pois lá se pode encontrar as lojas das marcas mais queridas na Europa, como Zara, H&M, Pull and Bear e outras.

É uma rua de pedestres, o que torna a caminhada por lá bastante agradável, e se estiver nas redondezas vale a pena passar no Café Majestic que tem arquitetura e decoração super tradicionais.

 

CATEDRAL SÉ DO PORTO

Situada nas proximidades da Ponte Luís I e com um terraço com vistas privilegiadas do Rio Douro, esta Catedral datada do século XII representa o monumento religioso mais importante da cidade do Porto.

Inicialmente construída em estilo românico, a Catedral da Sé sofreu muitas alterações e ampliações com o passar dos séculos, mas conservou a sua imponência, localização estratégica e um belíssimo interior.

Vale a pena visitar o interior da Catedrale seus claustros e para isso vai precisar comprar o bilhete de 5 euros por pessoa, assim como também admirar as belas paisagens da cidade do Porto que se pode ter do terraço anexo ao monumento religioso.

 

VILA NOVA DE GAIA

Do outro lado da margem do Rio Douro (oposto à Ribeira) está a região de Vila Nova de Gaia, onde muitas atividades e locais de interesse turísticos estão situados.

Por isso, vale a pena separar pelo menos um turno do dia para explorar a região e visitar uma das caves de vinho do Porto que se encontram por lá. Mas, se tiver interesse em visitar dois ou mais caves de vinho, vale a pena separar pelo menos um dia todo para passar na Vila Nova de Gaia e aproveitar as experiências com calma.

E uma excelente forma de explorar a região é atravessando a Ponte D. Luís I a pé, descendo para a margem do Rio Douro para visitar uma ou algumas caves de vinho do Porto, almoçando em uma dos restaurantes deliciosos de Gaia, aproveitando as vistas do Mosteiro da Serra do Pilar e apreciando o pôr do sol do Jardim do Morro.

 

PONTE D. LUÍS I

A começar pela Ponte D. Luís I, que é a mais emblemática das 6 grandes pontes do Porto, e liga a Ribeira à cidade de Vila Nova de Gaia.

Erguida sobre o Rio Douro, em 1888, esta ponte foi idealizada pelo engenheiro belga Théophile Seyrig, que havia colaborado anteriormente com Gustave Eiffel que criou a Torre Eifel em Paris, e se inspirou no trabalho do francês para desenha-la – por isso a semelhança estrutural com a famosa torre de Paris.

Atravessa-la por cima é um passeio imperdível no Porto, até porque as vistas do topo são belíssimas!

 

CAVES DE VINHO DO PORTO

O vinho do Porto é uma das marcas registradas da cidade do Porto, mas na verdade, eles são produzidos no Vale do Douro e armazenados na cidade Vila Nova de Gaia.

Somente o despacho do vinho ocorre no Porto, mas mesmo assim, o vinho acabou sendo chamado de “Vinho do Porto” ao invés de Vinho do Douro ou até mesmo Vinho de Vila Nova de Gaia e ao longo dos séculos esta denominação nunca foi mudada.

Caves em Vila Nova de Gaia

De qualquer forma, vale saber que é na cidade de Vila Nova de Gaia, vizinha do Porto e separada apenas por uma ponte, que você vai provar os originais “Vinhos do Porto”.

Mais especificamente, em uma das vinícolas que se estão situadas nas margens do Douro, onde o armazenamento da produção de vinho do porto ocorre para que a bebida ganhe a sua consistência densa e sabor intenso que lhe são características.

As melhores caves para visitar na Vila de Nova de Gaia são:

As visitas custam cerca de 20 euros por pessoa e incluem o passeio guiado pelas instalações da cave, durante a qual você será apresentado à história e ao processo produtivo desta vinícola e depois fará uma prova dos vinhos em formato de degustação.

Algumas destas vinícolas e caves oferecem almoços especiais servidos no jardim da propriedade e se tiver interesse nesta experiência, vale reservar a mesa com antecedência.

Vinícolas em Porto

Depois de degustar dos vinhos do porto nas caves de Vila Nova de Gaia, pode-se seguir para visitar o Mosteiro Serra do Pilar, sendo que este trajeto pode ser feito do Teleférico de Gaia que custa 6 euros por pessoa e representa uma atração turística que oferece lindas vistas do Porto.

 

MOSTEIRO SERRA DO PILAR

O mosteiro Serra do Pilar foi inicialmente construído no século XVI para abrigar frades agostinhos, mas passou a ser propriedade militar no século XIX.

Por lá, você vai encontrar um claustro circular e uma igreja, além de vistas com ângulos incríveis do Porto.

 

JARDIM DO MORRO

No horário do pôr do sol, ou antes disto se não quiser esperar até o anoitecer, visite o Jardim do Morro, e aprecie as belíssimas vistas que se tem deste parque super movimentado no Porto.

 

JARDINS DO PALÁCIO DE CRISTAL

Apesar de um pouco afastado do centro histórico de Porto, a visita aos jardins do Palácio de Cristal representa uma atração imperdível na cidade, já que oferece vistas maravilhosas do Douro e da Ponto Arrábida e uma oportunidade de fazer uma caminhada romântica nos jardins do palácio.

 

OUTRAS ATRAÇÕES INTERESSANTES NO PORTO

Além das atrações no Centro Histórico de Porto e na Vila Nova de Gaia, vale a pena visitar a Fundação Serralves, a Casa da Música e a praia de Matosinhos.

 

VALE DO DOURO

Para os que não tem condições ou não querem dedicar mais dias ao Vale do Douro, é bom saber que não faltam opções de passeios bate-volta saindo do Porto com direito à degustação de vinhos em uma ou duas vinícolas e um breve passeio de barco no Rio Douro.

Se esta for a sua preferência (ou única opção por questões de logística de tempo) você pode consultar os valores e detalhes clicando aqui e reservar com condições especial para os nossos leitores.

De Porto ao Vale do Douro

No entanto, a minha sincera opinião é que os passeios bate-volta acabam sendo muito corridos, cansativos e não conseguem captar o que há melhor no Douro. Por isso, somente indicaria esta opção para os viajantes que não tem mesmo como reservar mais tempo do roteiro para esta região e para todos os outros indicaria passar um tempo de qualidade neste destino maravilhoso!

E para aproveitar tudo que o Douro tem para oferecer, é preciso que se invista um tempo de qualidade no Vale do Douro, sendo que 3 dias são recomendados, 2 dias podem ser corridos (mas possível) e 4 dias um tempo super confortável para explorar a região com qualidade.

Já publicamos um post completo sobre o Vale do Douro, com dicas das melhores vinícolas e sugestão de roteiro e você pode acessa-lo clicando aqui!

 

ROTEIRO DE VIAGEM

1 A 3 DIAS NO PORTO

Roteiro 2 a 3 dias no Porto

No tópico acima você conheceu as melhores atrações do Porto e agora vai encontrar o roteiro completíssimo que preparamos para que você possa aproveitar o melhor do Porto em 2, 3 e 4 dias, sendo que preparamos também o mapa interativo abaixo com marcações dos locais de interesse do Porto para te auxiliar no planejamento e locomoção.

O mapa vai te auxiliar a localizar as regiões e atrações próximas entre si, já que o roteiro foi todo planejado para otimizar o seu tempo e combinar as melhores atrações de uma área em um só passeio.

Neste sentido, vale destacar que os pins rosas correspondem às atrações do primeiro dia, os pins verdes às atrações do segundo dia e os pins azul escuro às atrações que podem ser visitadas em um dia adicional no Porto.

Também vale ressaltar que a sugestão de roteiro abaixo pode ser totalmente customizada de acordo com suas preferências e disponibilidade de tempo, portanto, fique a vontade para fazer as modificações necessárias par aproveitar ao máximo a sua viagem ao Porto.

 

ROTEIRO DE 1 DIA NO PORTO

Comece o dia visitando a Capela das Almas e depois siga para o Mercado do Bolhão, a Igreja Santo Idelfonso, a Praça da Liberdade e as ruelas super charmosas nos arredores como o Largo dos Lóios e a Rua de Trás.

Visite a Igreja e torre dos Clérigos e não deixe de provar os pastéis de bacalhau da Casa Portuguesa do Pastel de Bacalhau que fica ao lado, antes de seguir para visitar a Livraria Lello.

Roteiro 3 dias Porto Portugal
Roteiro 2 dias Porto Portugal

Visite a Igreja do Carmo, a Igreja dos Carmelitas Descalços e a Casa escondida e depois siga para apreciar a vista do Miradouro da Vitória e pare para almoçar no Palácio da Bolsa.

Depois do almoço visite a Igreja de São Francisco de Assis e a Ribeira, sem deixar de fora o Cais da Estiva e a Rua Nova da Alfândega. De lá, siga para visitar a Sé do Porto e explore as ruelas dos arredores e depois siga para a belíssima Estação São Bento e passeie pela Rua das Flores.

Pode voltar pra aproveitar o pôr do sol na Ribeira ou seguir direto para o jantar.

 

ROTEIRO DE 2 DIAS NO PORTO

Você pode começar o segundo dia visitando a Igreja de Santa Clara e o Convento dos Grilos, ou optar por seguir direto para atravessar a Ponte D. Luis I e depois visitar uma ou mais caves na Vila Nova de Gaia.

Já listamos as melhores caves no tópico acima e vale saber que na região você também pode almoçar em um dos deliciosos restaurantes à beira do Rio ou até mesmo em um dos restaurantes conectados às vinícolas.

Depois de degustar dos vinhos do porto e fazer uma ótima refeição por lá, você pode seguir para visitar o Mosteiro Serra do Pilar, sendo que este trajeto pode ser feito do Teleférico de Gaia que custa 6 euros por pessoa e representa uma atração turística que oferece lindas vistas do Porto.

Do Mosteiro da Serra do Pilar, você pode seguir para o Jardim do Morro e de lá explorar novamente as áreas que gostou mais no Porto ou visitar uma das atrações que não conseguiu no dia anterior.

 

ROTEIRO DE 3 A 4 DIAS NO PORTO

Nos dias adicionais, você pode visitar as atrações que ficaram de fora do roteiro ou até mesmo fazer passeios de bate-volta ao Douro e/ou Braga (que em 2021 foi eleita a cidade mais interessante para visitar na Europa).

Para tanto, você vai precisar de um carro e aqui você pode fazer a cotação com as melhores locadoras de veículos para viagem e garantir a assistência em português em caso de emergência.

Também vale ressaltar que você pode contratar passeios de bate-volta guiados em grupos, sendo que pode consultar os valores e detalhes clicando aqui e reservar com condições especial para os nossos leitores.

 

Não se vá! Leia também outros posts sobre Portugal já publicados no blog

Arquivado em: Porto, Portugal
 

Agradecemos muito se organizar a sua viagem com links abaixo (com descontos!), pois vai incentivar o blog com uma pequena comissão sem pagar nada a mais por isso. Obrigada desde já!

 

LEIA TAMBÉM...

Sobre Lara Nogueira

No blog, Lara une a sua paixão por viajar com a de escrever. Seus relatos têm o objetivo de fazer os leitores viajarem (antes mesmo de sair de casa) através de um estilo único de narração que invoca os sentimentos e sentidos, combinada com dicas úteis e imagens dos destinos que visita.

Sua curiosidade e fascinação pelo novo fazem com que esteja sempre em busca de experiências únicas. Não é a toa que deixou a calorosa Bahia para chamar Estocolmo na Suécia de lar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SUPER


descontos

Reserve a sua viagem utilizando os nossos descontos exclusivos!
EU QUERO!